site em construção

projetos de pesquisa

 

ATUAIS

 

1. Novas proposições no método BPI: os laboratórios permanentes e as interações das personagens na verticalização de processos psicofísicos

Vigência: Iniciado em 2016

 

Descrição: Este projeto está centrado na pesquisa de desenvolvimento de novos procedimentos dentro do método BPI (Bailarino-Pesquisador-Intérprete) com o objetivo de dinamizar e instaurar estados corporais no intérprete além daqueles trabalhados até o momento, buscando uma verticalização de processos psicofísicos, de modo a atuar em campos fundamentais das investigações em artes da cena, como: presença, interações interpessoais e relações interculturais. Existe atualmente um grupo de artistas da cena que trabalha com o método BPI de forma continuada há no mínimo cinco anos, havendo aqueles que estão nesse percurso há mais de 20 anos, tornando-se possível a concepção de novas experiências dentro desse método. 

Projeto realizado com o apoio do Governo do Estado de São Paulo/ Secretaria de Estado da Cultura - Programa de Ação Cultural – 2016, montagem do trabalho "O Corpo como relicário - tudo é divino".

2. O corpo como relicário: tudo é divino

Vigência: Iniciado em 2016

 

Descrição: O projeto “O corpo como relicário: tudo é divino” tem como objetivo a concepção de uma obra cênica cujo espaço cenográfico caracteriza-se como instalações trabalhadas a partir do conteúdo pesquisado por cada bailarino-pesquisador-intérprete junto com a diretora do processo criativo. Trata-se de instalações coreográficas tendo a ideia do corpo como relicário, abrigado por um espaço como de vitrines. A proposta das instalações como vitrines coloca o trajeto pelo espaço de apresentação na mão do público, que terá diante de si as instalações, detendo-se o tempo que achar conveniente em cada uma delas, por um período total de uma hora. A proposta da direção artística para este projeto visa uma abordagem contemporânea de dança em que os bailarinos vivem o movimento em seus corpos com intensidade e organicidade, conferindo o desenvolvimento de uma identidade corporal que abrange uma amostragem dos povos do Brasil. A criação coreográfica será meticulosa e artesanal, a partir do desenvolvimento do método BPI (Bailarino-Pesquisador-Intérprete). A concepção de intérprete considerada nesse método para o bailarino envolve um despojamento e entrega para viver uma organicidade corporal e não um “representar” o papel ou reproduzir formas. Este formato de pesquisa corporal no método BPI é inovador, sendo uma das ações de um projeto maior, nomeado “O Brasil dos esquecidos: corporalidades da resiliência” de Graziela Rodrigues, no Departamento de Artes Corporais da UNICAMP.


3.  O Brasil dos Esquecidos: Corporalidades da Resiliência

Vigência: Iniciado em 2016

 

Descrição: A pesquisa em Artes da Cena que se propõe está baseada em pesquisas de campo realizadas desde 1980 em determinados segmentos sociais, comunidades e festividades à margem brasileira, destacando-se aquelas em que a resistência cultural se fazia mais presente, mostrando uma diversidade cultural com fronteiras flexíveis e portadoras de uma complexidade simbólica. O método BPI (Bailarino-Pesquisador-Intérprete) nasceu neste contexto e incorporou esta experiência de alteridade e identificação. Neste projeto se propõe um aprofundamento do método BPI através da personagem emanada do processo no sentido de que ela, incorporada ao interprete, seja a mensageira da pesquisa de campo, isto é, aquela que recebe corporalidades a serem reveladas. No método a personagem é uma síntese do processo que traz consigo um mito regenerador porque foi ativado pela experiência do campo, a qual possibilitou ao intérprete revivê-lo. É através deste estado, como mensageira, que ocorrerá o estudo das corporalidades presentes nas pesquisas de campo. Criam-se também os Laboratórios Permanentes em que se potencializa o diálogo do diretor com o intérprete no cerne do processo de criação. Instalação dos Laboratórios Permanentes como um “lócus” que amplia os sentidos a partir do corpo-próprio de cada pessoa e que faz a retroalimentação do corpo com o espaço através do movimento. Pretende-se alcançar distintas corporalidades, conhecê-las e elaborá-las até um procedimento de ruptura, que é a proposta estética a ser conquistada. Busca-se o desenvolvimento do intérprete através de uma escritura no corpo que proponha uma contínua descoberta em estranhar-se com o movimento do outro, para assim descobrir-se nele e possibilitar viver uma experiência de alteridade e afeto. Uma estética de corpo tecida pela força da resiliência propõe um corpo existencial mais escavado e pronto para novas expressões de uma dança contemporânea. Criação artística aliada à reflexão crítica.

FINALIZADOS

1.  Dos Terreiros do Brasil à Emanação de Personagens Através do Método BPI

Vigência: 2011 - 2016

Descrição: O objetivo do atual projeto é expandir o significado da personagem no método BPI abarcando as linguagens corporais que ela trás dos terreiros onde o interprete co-habitou. A palavra personagem apresenta conotações bem demarcadas nas artes cênicas, ocasionando muitas vezes um entendimento equivocado com relação ao que ela significa no método BPI. Ao situar as análises de processos de criação, via personagem, pretende-se não apenas trazer maior clareza quanto aos seus significados, mas também deixar evidente o que são as linguagens de seus corpos. O método BPI, criado a partir de 1980, teve ao longo de seus trinta anos um contínuo desenvolvimento. Este projeto compreende trabalhos de reflexão teórica e de criação artística sob o enfoque do método BPI. Os objetivos deste projeto são: 1. Analisar o percurso de sete personagens: Graça, Esperança, Cora, Justina, Jura, Dalva e Mulher Gavião vividas por cinco intérpretes através do método BPI (mulheres sínteses de pesquisas e de criações coreográficas anteriormente realizadas) com o intuito de explicitar os seus significados, as suas linguagens corporais e as dos espaços de onde emergiram. 2.Aprofundar os procedimentos das fases que congregam a Estruturação da Personagem do método BPI. 3. Dirigir criações artísticas na perspectiva do Bailarino-Pesquisador-Intérprete. 4. Orientar projetos na graduação (Iniciação Científica) e na pós-graduação (Mestrado, Doutorado) sob a perspectiva do BPI. 5. Investigar condições de espaços e tempos diferenciados favoráveis ao desenvolvimento do Processo. 6. Identificar aspectos da pesquisa que são pertinentes de serem desenvolvidos em disciplinas dos cursos de Graduação e de Pós-graduação da UNICAMP. 7. Dar continuidade às pesquisas de campo em comunidades de distintos segmentos sociais sob a ótica do BPI.. 

 

 

2. O Bailarino-Pesquisador-Intérprete, O Desenvolvimento da Imagem Corporal e a Dança do Brasil.

 

Vigência: 2004 - 2011

 

Descrição: Em sendo o Bailarino-Pesquisador-Intérprete (BPI) um método novo, torna-se necessário o aprofundamento de seus eixos fundamentais assim como dar prosseguimento a formação de artistas neste método. Os objetivos deste projeto são: ?Dirigir criações artísticas na perspectiva do Bailarino-Pesquisador-Intérprete: Espetáculos e Performances. ?Investigar condições de espaços e tempos diferenciados favoráveis ao desenvolvimento do Processo. ?Identificar aspectos do BPI que são pertinentes de serem desenvolvidos no curso de Graduação e de Pós-graduação. ?Dar continuidade às pesquisas de campo em comunidades de distintos segmentos sociais sob a ótica do BPI integradas a estudos de IC. ? Aprofundar os procedimentos que dizem respeito à elaboração principalmente nas relações entre o Inventário no Corpo e o Co-habitar com a Fonte. ?Buscar novas formas de atuar com o método em distintos segmentos da sociedade e para públicos diferenciados. Este projeto compreende trabalhos de reflexão teórica e de criação artística sob o enfoque do método BPI : - Pretende-se fazer a integração de estudos teóricos de Imagem Corporal aos aspectos desenvolvidos do BPI ou sob a sua ótica quando se tratar de pesquisas de segmentos sociais específicos. - Serão realizados pesquisas de campo e Laboratórios com possíveis registros dos mesmos, em forma de diário de campo, gravações em áudio e vídeo - Pretende-se utilizar a Análise de Conteúdo dialogando com a Análise de Discurso como recursos metodológicos para os desdobramentos de materiais, tais como as análises dos diários de campo das pessoas que estiverem sob nossa direção vivenciando o Processo do BPI . - As apresentações públicas dos trabalhos, sejam espetáculos ou performances, serão registrados para possíveis análises e ou edições posteriores.

3. Dança dos Brasis: pesquisa em Dança entre os Assurini do Xingu

Vigência: 2003 - 2006

 

Descrição: Projeto em parceria com a Prof. Dra. Regina Pollo Müller. O Projeto Dança dos Brasis: pesquisa em dança entre os Asuriní do Xingu vincula-se ao projeto O bailarino-pesquisador-intérprete, o desenvolvimento da imagem corporal e a dança do Brasil. Pretende-se com esta vinculação, um projeto de maior extensão abarcando outros mais específicos, aprofundar questões referentes ao método BPI. Três eixos de sustentação deste método - O inventário no corpo, O Co-habitar com a Fonte e a Incorporação da Personagem - serão investigados em distintos referenciais culturais com o objetivo de aprimorar o próprio método como também pretende-se investigar as melhores condições para o desenvolvimento do mesmo.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundo de Apoio Ao Ensino e à Pesquisa Fundação do Desenvolvimento da Unicamp - Auxílio financeiro.

4. Núcleo Experimental Interdisciplinar

Vigência: 2003 - 2003

Descrição: O Núcleo Experimental, Estudos da Performance foi concebido para trabalhar sete linguagens artísticas, voltadas ao artista performer: Teatro (Franscico Medeiros), Dança (Graziela Rodrigues), Dramaturgia (Marici Salomão), Música (Barbatuques), Netdesign (Giancarlo Lorenci e Regener Fortes), Moda (Walter Rodrigues) e Fotografia (Gal Oppido). 

5. Dança dos Brasis

Vigência: 2001 - 2003

Descrição: Projeto desenvolvido em parceria com a Profa. Dra. Regina Muller.

6. Reflexões Sobre as Questões do Conteúdo do BPI e os Aspectos Psicodinâmicos da Imagem Corporal

 

Vigência: 2001 - 2001

 

Descrição: Pesquisa inserida no campo do Bailarino-Pesquisador-Intérprete, metodologia e conceituação desenvolvida pela própria pesquisadora.

 

7. O Método BPI e o Desenvolvimento da Imagem Corporal

 

Vigência: 2000 - 2003

 

Descrição: Reflexões que consideram o discurso de bailarinas que vivenciaram um processo criativo baseado no método do Bailarino-Pesquisador-Intérprete. Integrantes: Graziela Estela Fonseca Rodrigues – Coordenador; Consolação Tavares - Integrante.

 

8. A revelação da Realidade Gestual Através do BPI


Vigência: 1997 - 2000

 

Descrição: Pesquisa inserida no campo do Bailarino-Pesquisador-Intérprete, metodologia e conceituação desenvolvida pela própria pesquisadora.

9. Imensidão Brasil: Estudos em Antropologia e História da Cultura, Dança e Música

 

Vigência: 1997 - 1997

 

Descrição: Trata-se de um projeto de Convênio entre a Universidade de Campinas e a Prefeitura Municipal de Paulínia.

10. O desenvolvimento do Bailarino Pesquisador Intérprete na Dança Brasileira


Vigência: 1995 - 1997

 

Descrição: O projeto resultou no livro "Bailarino-Pesquisador-Intérprete: processo de formação." Rio de Janeiro, Funarte, 1997.
 

Financiador(es): Fundação Vitae - Bolsa.

11. O Maracatu Rural de Pernambuco

 

Vigência: 1991 - 1993

 

Descrição: Pesquisas sobre o Maracatu no estado do Pernambuco.. 
 

Financiador(es): Fundo de Apoio Ao Ensino e à Pesquisa Fundação do Desenvolvimento da UNICAMP- Auxílio financeiro.

 

12. A Última Dança


Vigência: 1991 - 1991

 

Descrição: Pesquisa das Danças Indígenas Xavantes da Aldeia dos Areões MT.

13. Bailarinas de Terreiro

Vigência: 1989 - 1989

 

Descrição: Pesquisa sobre Linguagens do Universo da Umbanda. 

 

14. Trilhas e Veredas da Dança Brasileira - O congado em Minas Gerais


Vigência: 1987 - 1988

 

Descrição: Trabalho de pesquisa das danças devocionais e comunidades negras de Minas Gerais.
 

Financiador(es): Fundação Vitae - Bolsa / Fundo de Apoio Ao Ensino e à Pesquisa Fundação do Desenvolvimento da UNICAMP - Auxílio financeiro.

 

15. Trilhas e Veredas da Dança Brasileira I


Vigência: 1986 - 1986

Descrição: Trabalho desenvolvido para a cadeira de Dança Brasileira para a então futura Faculdade de Dança de São Paulo.